Leblon - Portal do Porto

Translate

Leblon

Nós tivemos dois navios com o nome Leblon na história da Marinha Mercante Brasileira e ambos pela Aliança Navegação e Logísitica.



Leblon (ex-Monte Cervantes)

O primeiro Leblon foi um navio porta-contêiner incorporado à frota da Aliança Navegação e Logística em agosto/2000, alvorando a bandeira brasileira com porto de registro Rio de Janeiro e prefixo PPXJ.

Construído em 1982 pelo estaleiro AG Weser Seebeckwerft em Bremerhaven (Alemanha) originalmente como Monte Cervantes, foi o quinto de uma classe de cinco navios encomendados pelo armador alemão Hamburg Süd.


Monte Cervantes
Originalmente como Monte Cervantes pela Hamburg Süd. Foto: Mike Griffiths - Shipspotting.com

Foi o primeiro da classe do Columbus Louisiana a ser incorporado à frota da Aliança, o segundo foi o Aliança Urca (ex-Monte Rosa) em dezembro/2002.

O Leblon foi modernizado e instalado um novo guindaste com capacidade de içamento até 40 t, além do guindaste tipo pórtico que já possuía com capacidade de içamento até 39 t.

Leblon
Como Leblon, demandando o Porto de Santos com as cores da Aliança. Foto: Silvio Roberto Smera - pbase.com/smera

Em dezembro/2008, devolvido à Hamburg Süd deixando de ser brasileiro e renomeado Columbus California.

Em 18/12/2008, foi vendido para o corte em Alang (Índia).


Datas

Encomenda: 01 de julho de 1978
Batimento de quilha: 19 de janeiro de 1981
Lançamento: 30 de maio de 1981
Incorporação: 24 de novembro de 1981
Vendido para o desmanche: 17 de dezembro de 2008


Dados do navio



  • Último Nome: Columbus California
  • IMO: 8018974
  • Indicativo: ELUB7
  • Ano de Construção: 1982
  • Construtor: AG Weser Seebeckwerft - Bremerhaven, Alemanha
  • Casco nº: 1030
  • Último Armador: Aliança Navegação e Logística Ltda. – São Paulo, SP – Brasil
  • LOA: 184,89 m
  • Boca: 28,40 m
  • Calado: 10 m
  • Arqueação Bruta (GT): 24.270 t
  • Porte Bruto (DWT): 23.520 t
  • Capacidade: 1.157 TEU
  • Tomadas Reefer: 592
  • Equipamentos: 1 guindaste pórtico de 39 t SWL e 1 guindaste de 40 t SWL
  • Porto de Registro: Monróvia
  • Bandeira: Libéria Bandeira da Libéria
  • Antigos Nomes: Monte Cervantes (05/1993); Columbus California (08/2000) e Leblon (12/2008)



VENDIDO PARA O DESMANCHE

Data: 18/12/2008
Empresa: Shipbreakers Indianos
Valor por Tonelagem de Deslocamento Leve (LDT): $ 200
Tonelagem de Deslocamento Leve (LDT): 10.440 t
Valor Total: $ 2.088.000
Local do Desmanche: Alang (Índia)


Navios da classe com os nomes originais


IMO
Nome original de construção
Construção
Casco nº
Motor principal
7800150
COLUMBUS LOUSIANA
04/1979
1023
6RND76M
7800162
COLUMBUS CANTERBURRY
06/1979
1024
6RND76M
7800174
COLUMBUS QUEENSLAND
12/1979
1025
6RND76M
8018974
MONTE ROSA
11/1981
1029
6RND76M
8104632
MONTE CERVANTES
09/1982
1030
6RND76M




Leblon (ex e atual Santa Isabel)


O Leblon, foi o segundo navio porta-contêiner a ostentar este nome, afretado à Aliança Navegação e Logística, subsidiária do armador alemão Hamburg Süd entre agosto/2011 à julho/2012 para o serviço que ligava os Portos da Ásia e Costa Leste da América do Sul, substuindo o Alianca Maua, até então, o maior navio porta-contêiner afretado à um armador brasileiro.

Construído em 2010 pelo estaleiro Daewoo Shipbuilding & Marine Engineering (DSME) em Geoje (Coreia do Sul), originalmente como Santa Isabel, foi o segundo de uma série de dez navios da classe Santa encomendados pelo armador alemão Hamburg Süd em 19/04/2007, cuja entrega ocorreu em 10/12/2010.

Leblon
Como Leblon no Porto de Santos em 2012. Foto: Rafael Ferreira Viva

Em agosto/2011, foi renomeado Leblon ostentando este nome até julho/2012, período que esteve afretado à Aliança. Posteriormente foi devolvido à Hamburg Süd para afretamento à Hapag-Lloyd e renomeado Paranagua Express.


Datas

Encomenda: 19 de abril de 2007
Início da construção: 06 de abril de 2010
Batimento de quilha: 02 de agosto de 2010
Lançamento: 16 de outubro de 2010
Incorporação: 10 de dezembro de 2010


Dados do navio durante o afretamento



  • Nome Atual: Santa Isabel
  • IMO: 9444728
  • Indicativo: DIJY2
  • Ano de Construção: 2010
  • Construtor: Daewoo Shipbuilding & Marine Engineering Co., Ltd. (DSME) - Geoje, Coreia do Sul
  • Casco nº: 4149
  • Armador: Columbus Shipmanagement GmbH – Hamburgo, Alemanha (Rudolf A. Oetker KG (RAO) – Hamburgo, Alemanha)
  • Afretador: Aliança Navegação e Logística Ltda. – São Paulo, SP – Brasil (Hamburg Südamerikanische Dampfschifffahrts-Gesellschaft KG – Hamburgo, Alemanha)
  • LOA: 299,95 m
  • Boca: 42,80 m
  • Calado: 13,50 m
  • Arqueação Bruta (GT): 85.676 t
  • Porte Bruto (DWT): 93.591 t
  • Capacidade: 7.114 TEU
  • Tomadas Reefer: 1.600
  • Porto de Registro: Hamburgo
  • Bandeira: Alemanha Bandeira da Alemanha
  • Antigos Nomes: Santa Isabel (08/2011); Leblon (07/2012) e Paranagua Express (06/2014)



Navios da classe com os nomes originais



IMO
Nome original de construção
Construção
Casco nº
Motor principal
9444716
SANTA CLARA
10/2010
4148
8RT-flex96C
9444728
SANTA ISABEL
12/2010
4149
8RT-flex96C
9444730
SANTA CATARINA
03/2011
4150
8RT-flex96C
9444742
SANTA CRUZ
05/2011
4151
8RT-flex96C
9425382
SANTA RITA
05/2011
4230
8RT-flex96C
9430363
SANTA ROSA
07/2011
4231
8RT-flex96C
9430375
SANTA TERESA
09/2011
4232
8RT-flex96C
9430387
SANTA URSULA
03/2012
4233
8RT-flex96C
9430399
SANTA BARBARA
05/2012
4234
8RT-flex96C
9444845
SANTA INES
06/2012
4235
8RT-flex96C


Referências


IHS Global Limited. COLUMBUS CALIFORNIA. Disponível em: <https://maritime.ihs.com/Areas/Seaweb/authenticated/authenticated_handler.aspx?control=shipovw&LRNO=8104632>. Acesso em 20 de junho de 2015.

IHS Global Limited. SANTA ISABEL. Disponível em: <https://maritime.ihs.com/Areas/Seaweb/authenticated/authenticated_handler.aspx?control=shipovw&LRNO=9444728>. Acesso em 20 de junho de 2018.

ABS Record. SANTA ISABEL. Disponível em: <https://www.eagle.org/portal/#/absrecord/extSearch?ImoNum=9444728>. Acesso em 20 de junho de 2018.

Nenhum comentário:

Postar um comentário