Translate

terça-feira, 13 de novembro de 2018

Fragata fica completamente submersa após abalroamento

A fragata KNM Helge Ingstad (F 313) da marinha norueguesa que abalroou o navio petroleiro Sola TS na madrugada de quinta-feira (08/11/2018) ficou quase totalmente submersa hoje (13/11/2018), apesar dos esforços para salvar a fragata naufragada.


A situação da fragata na costa norueguesa não está, no entanto, a interferir no terminal de exportação de petróleo de Sture. "Estamos em operação normal", disse uma porta-voz da Equinor, operadora da usina.


O exército norueguês trabalha desde quinta-feira para resgatar a fragata, amarrando-o com vários cabos para a costa. Alguns deles haviam quebrado.


“O navio afundou mais um metro e, como resultado, dois cabos se quebraram. Eles foram substituídos por dois mais fortes. Nós trabalhamos até meia-noite sobre isso. Depois da meia-noite, percebemos que não era seguro para nossa equipe continuar o trabalho”, disse Haavard Mathiesen, chefe da operação de resgate da Agência de Material de Defesa da Noruega (Norwegian Defence Materiel Agency - NDMA).

“Por volta de 06h (03h pelo horário de verão de Brasília), mais cabos quebraram e a fragata afundou ainda mais. Agora está em águas profundas e estáveis”, disse ele em entrevista coletiva.

O fragata ficou encalhada na costa oeste da Noruega na quinta-feira passada, depois de abalroar o navio petroleiro de óleo cru Sola TS que havia deixado o Terminal de Sture. O local foi fechado por várias horas como resultado. O Sola TS sofreu danos leves.



Oito membros da Marinha, de uma tripulação total de 137, ficaram levemente feridos no incidente.


Fotos:
Helge Ingstad: Jakob Østheim - Forsvaret
Sola TS: Jan Kåre Ness - NTB scanpix

Fonte: Reuters
Adaptação de texto: Henrique Ferrinho

Skatzoura

Segue imagens do navio graneleiro Skatzoura, suspendendo do Porto de Santos em sua primeira escala em 03/11/2018, após atracar no armazém 19 operado pela Rumo.














Nome: Skatzoura
IMO: 9566954
Indicativo: 9HA4141
Ano de Construção: 2011
Construtor: Yangfan Group Co., Ltd. – Zhoushan, ZJ – China
Armador: Seafront Maritime Ltd. – Glyfáda, Grécia (Sea Traders S.A. – Glyfáda, Grécia)
LOA: 189,99 m
Boca: 32,30 m
Calado: 12,80 m
Arqueação Bruta (GT): 32.964 t
Porte Bruto (DWT): 56.795 t
Capacidade: 71.634 m³ (Grão) ou 68.200 m³ (Fardo)
Porto de Registro: Valeta
Bandeira: Malta Bandeira de Malta
Antigo Nome: Lan Hai Qian Jin (10/2015)


Fotos: Henrique Ferrinho

segunda-feira, 12 de novembro de 2018

Minerva

Segue imagens do navio porta-contêiner Minerva, suspendendo do Porto de Santos em 03/11/2018, após atracar entre os berços 1 e 2 da Embraport, operado pela DP World Santos para 574 movimentos de embarque, 863 movimentos de desembarque e 2 remoções.



Minerva







Minerva




Nome: Minerva
IMO: 9694426
Indicativo: 9V3400
Ano de Construção: 2015
Construtor: Yangfan Group Co., Ltd. – Zhoushan, ZJ – China
Armador: Bernhard Schulte Shipmanagement (Cyprus) Ltd. – Limassol, Chipre (Hanseatic Unity Chartering (HU) GmbH & Co. KG – Hamburgo, Alemanha e The Schulte Group – Hamburgo, Alemanha)
Afretador: Hapag-Lloyd AG – Hamburgo, Alemanha
LOA: 188,87 m
Boca: 30,46 m
Calado: 10,50 m
Arqueação Bruta (GT): 27.279 t
Porte Bruto (DWT): 30.079 t
Capacidade: 2.339 TEU
Tomadas Reefer: 500
Porto de Registro: Singapura
Bandeira: Singapura Bandeira de Singapura


Fotos: Henrique Ferrinho

NHo Cruzeiro do Sul (H 38) aberto à visitação pública

O navio hidroceanográfico Cruzeiro do Sul (H 38), da Marinha do Brasil estará aberto à visitação pública no Rio de Janeiro/RJ nos dias 13 e 14/11/2018.

NHo Cruzeiro do Sul (H 38) estará aberto à visitação pública nos dias 13 e 14/11/2018.

O Cruzeiro do Sul participará do Seminário “Oceanos Sustentáveis – uma onda de inovação”, que ocorrerá no Museu do Amanhã, no Rio de Janeiro. O navio estará nas proximidades do Museu do Amanhã e, no dia 13, a visitação ocorrerá das 13h às 18h. No dia 14, das 9h às 12h.

O seminário está sendo organizado, em parceria, pela Marinha do Brasil, Museu do Amanhã, Instituto de Desenvolvimento e Gestão, Consulado Geral da Noruega no Rio de Janeiro, Innovation Norway e o AquaRio.


Foto: Navios de Guerra Brasileiros
Fonte: Marinha do Brasil
Adaptação de texto: Henrique Ferrinho

domingo, 11 de novembro de 2018

Oshimana

Segue imagens do navio open hatch Oshimana, suspendendo do Porto de Santos em 03/11/2018, após atracar nos armazéns 15 e 32.


Oshimana








Oshimana

Nome: Oshimana
IMO: 9249295
Indicativo: 9VAH9
Ano de Construção: 2003
Construtor: Oshima Shipbuilding Co., Ltd. – Saikai, NS – Japão
Armador: ZEABORN Ship Management (Singapore) Pte. Ltd. – Singapura (Masterbulk Ship Management Pte. Ltd. – Singapura e Masterbulk Pte. Ltd. – Singapura)
Afretador: Saga Welco AS - Nøtterøy, Noruega
LOA: 199 m
Boca: 32,31 m
Calado: 12,33 m
Arqueação Bruta (GT): 36.324 t
Porte Bruto (DWT): 48.661 t
Capacidade: 2.286 TEU; 65.873 m³ (Grão) ou 65.338 m³ (Fardo)
Tomadas Reefer: 22
Porto de Registro: Singapura
Bandeira: Singapura Bandeira de Singapura
Antigo Nome: Star Oshimana (12/2007)


Fotos: Henrique Ferrinho